Plataforma EAD
Menu
Siga-nos
Indique o Site
Destaques no Site
RSS

Notícias sobre o concurso para Aprendiz de Marinheiro.
« 1 2 3 (4) 5 6 7 »
Aprendiz de Marinheiro : Parcial de 10.545 inscritos no concurso para Aprendizes
Enviado por admin em 27/07/12 (730 leituras)






De acordo com a coordenação do concurso de admissão às Escolas Aprendizes-Marinheiros, o processo seletivo tem parcial de 10.545 inscritos. Esse é o total de candidatos cujo pagamento da taxa de inscrição foi confirmado. Outras 17.817 inscrições ainda dependem da confirmação do depósito. O número final de participantes será divulgado nos próximos dias.

Os candidatos poderão consultar os locais de realização da prova escrita a partir do dia 10 de agosto, no site da Diretoria de Ensino da Marinha ou diretamente em Organizações Responsáveis pela Divulgação (ORDI). Espera-se que no mesmo dia seja divulgada a data da prova.

Durante todas as etapas do concurso, o candidato deverá apresentar seu comprovante de inscrição junto a um documento oficial de identificação com foto, podendo ser, dentre outros: carteira de identidade, carteira de trabalho e carteira de habilitação.

A prova será de múltipla escolha em caráter classificatório e eliminatório, com 50 questões. Do total, 15 são de Português, 15 de Matemática e 20 de Ciências. Serão eliminados os candidatos que obtiverem nota inferior a 50 pontos. Entre os aprovados, poderão participar das etapas complementares os que obtiverem as maiores notas, até o limite de 4.400 inscritos

Além de prova escrita, o processo seletivo terá: inspeção de saúde, verificação de dados biográficos e teste de aptidão física, no qual o candidato terá que nadar 25 metros em até 50 segundos e correr 2.400 metros em até 16 minutos. Quem não comparecer a alguma das etapas será eliminado.

Os candidatos serão classificados dentro das 2.200 vagas oferecidas de acordo com os melhores desempenhos nas etapas seletivas. O curso de formação tem previsão de início no dia 28 de janeiro de 2013.

Serviço
www.ensino.mar.mil.br







Aprendiz de Marinheiro : Marinha já recebe inscrição para Aprendizes Marinheiros
Enviado por admin em 16/07/12 (843 leituras)




Jovens que têm apenas o ensino fundamental completo mas que sonham com um emprego estável e com boa remuneração têm uma oportunidade no concurso de admissão às Escolas de Aprendizes Marinheiros. As inscrições estão abertas e o prazo termina no próximo dia 19.

A oferta é de 2.200 vagas. Podem participar somente candidatos do sexo masculino. A remuneração inicial, após o curso de formação, é de R$1.100 As inscrições devem ser feitas pela internet ou em postos de inscrição, que funcionam das 8h30 às 16h30. Será preciso pagar uma taxa de R$12, até que dia 23 de julho. O candidato deverá estar com CPF e documento oficial de identificação no ato da inscrição.

Para participar, é preciso ser brasileiro nato, não ser casado, estar em dia com as obrigações militares, além de estar dentro do limite de idade: 18 e 22 anos completados até o primeiro dia do mês de janeiro 2013. O prazo para solicitação de isenção de taxa terminou na última quarta, dia 11, e o resultado será divulgado nesta segunda-feira, dia 16.

O concurso público é constituído de prova objetiva com 50 questões, distribuídas pelas seguintes disciplinas: Matemática (15 questões), Português (15 questões) e Ciências (20 questões). Os classificados nesta etapa deverão passar, ainda, pela inspeção da saúde, teste de aptidão física e verificação de dados biográficos, todos de caráter eliminatório.

Apostilas preparatórias para APRENDIZES MARINHEIROS? Compre Aqui!

Serviço
www.ensino.mar.mil.br
www.ingressonamarinha.mar.mil.br
Endereço para envio do requerimento de isenção por carta:
Diretoria de Ensino da Marinha – Divisão de Inscrição – Rua Visconde de
Itaboraí, nº 69 – Centro – Rio de Janeiro/RJ – CEP 20010-060.







Aprendiz de Marinheiro : Saiu edital para aprendizes marinheiros: 2.200 vagas.
Enviado por admin em 05/07/12 (809 leituras)




Estão abertas as inscrições do concurso de admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (EAM). A oferta é de 2.220 vagas e a remuneração dos classificados, após o curso de formação, é de R$1.000. O processo seletivo é destinado a candidatos do sexo masculino e a escolaridade mínima é o ensino fundamental completo.

As inscrições devem ser realizadas até o próximo dia 19, pela internet ou nas Organizações Militares da Marinha (ORDI). O valor da taxa de inscrição é de R$12. A mesma pode ser paga através de débito em conta corrente ou boleto bancário. Para esta última opção, o prazo de pagamento termina dia 23 de julho.

Também é exigido que os candidatos tenham nacionalidade brasileira, sejam solteiros, estejam em dia com obrigações militares e eleitorais e possuam idade entre 18 a 22 anos até o primeiro dia de janeiro de 2013. A exigência do diploma de ensino fundamental completo será feita apenas na matrícula. Com isto, candidatos que tenham condições de concluir o 9º ano até esta etapa poderão participar. Os demais requisitos podem ser consultados no edital, disponível nesta página.

Os candidatos que estivem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e forem membros de família de baixa renda poderão solicitar isenção da taxa. Os interessados deverão preencher o requerimento disponível no site da Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM) e entregá-lo em uma das ORDI até o próximo dia 11. No requerimento deverá constar indicação do Número de Identificação Social (NIS) do candidato e declaração do mesmo de que é membro de família carente. Outra opção é encaminhar o requerimento de isenção preenchido e os outros dados solicitados via carta registrada até 12 de julho. Resultado sairá no dia 16 de julho.

A primeira etapa do processo seletivo será constituída por uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. O exame possuirá 50 questões de de Matemática, Português e Ciências. Após aprovação nesta etapa, o candidato participará de eventos complementares, todos de caráter eliminatório: Inspeção de Saúde (IS), Teste de Aptidão Física (TAF) até a Verificação de Dados Biográficos (VDB).

O curso será ministrado nas Escolas de Aprendizes-Marinheiros, com sedes no Ceará, Pernambuco, Espírito Santo e Santa Catarina. A formação será gratuita aos aprovados e funcionará sob regime de internato, com duração de 48 semanas. O curso possuirá aulas do ensino básico e do ensino militar naval. Os estudantes terão direito à alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa. Ao término do curso, o estudante assumirá compromisso de tempo de serviço, chamado de Compromisso de Engajamento, por um período de 2 anos a partir do dia seguinte a sua formação militar. Após a conclusão do curso os estudantes serão promovidos à graduação de Marinheiro (MN) poderão ser designados para servir a bordo de Navio ou Organização Militar (OM) da Marinha em todo o território nacional, cumprindo um Estágio Inicial (EI) durante o primeiro ano da graduação.

CLIQUE AQUI e veja o edital completo do concurso EAM 2013


Serviço
www.ensino.mar.mil.br
www.ingressonamarinha.mar.mil.br
Endereço para envio do requerimento de isenção por carta: Diretoria de Ensino da Marinha – Divisão de Inscrição – Rua Visconde de Itaboraí, nº 69 – Centro – Rio de Janeiro/RJ – CEP 20010-060.








Aprendiz de Marinheiro : Aprendizes Marinheiros: inscrições começam ainda hoje
Enviado por admin em 05/07/12 (986 leituras)




A Marinha vai abrir ainda nesta quinta-feira, dia 5, as inscrições para o concurso de admissão às Escolas de Aprendizes Marinheiros, para as turmas de 2013. Um extrato publicado na edição de hoje do Diário Oficial da União informa que o prazo para candidatar-se a uma das 2.200 vagas termina no próximo dia 19.

Veja abaixo o edital completo do concurso EAM 2013.

O processo seletivo exige ensino fundamental completo. Os vencimentos iniciais, após o curso de formação, são de R$1.000. O edital do processo seletivo deve ser divulgado ainda hoje. Assim que a Marinha divulgar o documento para a imprensa, poderá ser consultado nesta página.


CLIQUE AQUI e veja o edital completo do concurso EAM 2013







Aprendiz de Marinheiro : Editais para Marinha e Exército mais próximos
Enviado por admin em 03/07/12 (628 leituras)




Candidatos que aguardavam a regularização dos processos seletivos para ingresso nas escolas de formação da Marinha e do Exército já podem se preparar. Na última sexta, 29, a Advocacia-Geral da União (AGU) conseguiu que o Supremo Tribunal Federal (STF) prorrogasse até 31 de dezembro, o prazo de validade dos editais e regulamento dos dispositivos legais que limitam a idade para o ingresso na carreira.

Isto significa que os processos seletivos poderão ser realizados conforme as regras estabelecidas pelas próprias Forças até que entre em vigor a constitucionalidade, que irá estabelecer normas comuns. A medida assegura a continuidade dos 20 processos seletivos da Marinha e do Exército, que estão paralisados desde que começou a tramitar no Congresso a aprovação de nova lei que fixa critérios específicos para cada concurso. Sendo assim, é possível que sejam divulgados, em breve, os editais de vários concursos esperados pelos candidatos, entre eles, os do Corpo de Fuzileiros, Aprendizes, Colégio Naval e Escola Naval, da Marinha; e ESA, EsAEx EsPCEx e EsSEx, do Exército.

O órgão da AGU que pediu a extensão do limite do prazo estipulado anteriormente pela Corte para a aprovação da lei foi a Secretaria-Geral de Contencioso (SGCT). Para isso, a Secretaria destacou que a suspensão dos concursos prejudicaria o andamento das fases para preenchimento de vagas nas Forças Armadas. No momento, estão suspensos 12 concursos da Marinha e oito do Exército.

Tudo começou quando a União recorreu ao STF contra a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que determinava que o limite de idade para ingresso nas Forças Armadas fosse fixado por lei ordinária e não somente pelo que era estabelecido nos editais. A Justiça federal, então, entendeu que esse posicionamento está previsto na Constituição Federal.

Para não prejudicar a manutenção e o funcionamento das Forças Armadas, o Supremo havia fixado, até 31 de dezembro de 2011, a validade dos editais e regulamentos dos concursos que previam limites
de idade, afim de editar uma nova lei sobre o concurso. O que culminou nessa decisão pelo STF foi a expressão “regulamentos da Marinha, Exército e da Aeronáutica”, presente o artigo 10 da Lei nº 6.880/80. Segundo o Supremo, a expressão não estaria amparada pela Constituição.

Isso fez com que a Presidência da República encaminhasse ao Congresso Nacional os Projetos de Lei (PLCs) nº 2843/2011 e nº 2844/2011, propondo a alteração da Lei nº 11.279/06 sobre os requisitos para ingresso nas carreiras da Marinha e nos cursos de formação de militares do Exército. Ambos ainda precisam ser aprovados na Câmara dos Deputados, no Senado e, em seguida, sancionados pela presidenta Dilma Rousseff, para entrarem em vigor.

No caso da Aeronáutica, um projeto de lei que estabelecia os requisitos para ingresso na carreira militar já foi aprovado e sancionado, no ano passado. Por isso, todos os concursos previstos para a corporação foram realizados normalmente.







Aprendiz de Marinheiro : Marinha suspende divulgação de editais, mas confirma que haverá concursos
Enviado por admin em 10/02/12 (967 leituras)






A Marinha decidiu cancelar os editais para os concursos para o Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais e o Curso de Formação de Sargentos Músicos do Corpo de Fuzileiros Navais, publicados no Diário Oficial da União, em dezembro do ano passado. Além disso, está suspensa a divulgação de editais para os demais processos seletivos para ingresso nos quadros da corporação. A informação foi dada através do Centro de Comunicação Social da Marinha (CCSM).
A decisão foi tomada pela Marinha, pois ainda não foi aprovado, no Congresso Nacional, o Projeto de Lei nº 2.843/2011, que estabelece parâmetros para ingresso na corporação. Segundo informações passadas pela assessoria de imprensa, a expectativa da instituição é de que a proposta seja sancionada até maio deste ano.

A Marinha visa, com a decisão, uniformizar seus procedimentos para divulgação das regras de seus processos seletivos. Além disso, evita a possibilidade de que os concursos possam ser alvos de ações judiciais e, com isso, gerar transtorno e insegurança para os inscritos.

Conforme informado, o edital do concurso para o Corpo de Fuzileiros Navais trazia, entre outros requisitos, o limite de idade. No entanto, uma decisão do Supremo Tribunal Federal, do ano passado, estabeleceu que, a partir de 2012, a exigência só poderia ser feita se tivesse como base uma lei aprovada no Congresso. O mesmo vale para os demais processos seletivos de escolas militares. O objetivo da Marinha foi, também, respeitar essa decisão do Supremo.

A decisão tomada pela Marinha não significa que os concursos não serão mais realizados. Segundo informou o órgão, por meio de sua assessoria de imprensa, os processos seletivos estão confirmado, mas os editais só serão divulgados após a aprovação da lei. Contato com o Exército para saber se os concursos do exército adotarão medidas semelhantes, uma vez que um projeto de lei para ingresso na corporação também está em fase de tramitação no Congresso Nacional.

Porém, até o fechamento desta edição, o órgão não informou se manterá ou não a programação de divulgação de editais. Este ano, já foram publicados dois, ambos para o Instituto Militar de Engenharia e, nos dois casos, com limites de idade entre os requisitos. Os concursos da Aeronáutica estão confirmados. Isto porque, no ano passado, foi sancionado um projeto de lei que regulamenta o ingresso na corporação.
A polêmica começou em fevereiro do ano passado, quando o plenário do STF reconheceu a exigência constitucional de haver uma lei para a fixação dos limites de idade e outros requisitos para os concursos das Forças Armadas. Como naquele momento, nenhuma norma poderia substituir os editais, ficou decidido que, até 31 de dezembro do ano passado, todas as admissões ocorridas em função de regulamentos e editais que, até então, vinham estabelecendo as condições para ingresso nas diversas carreiras militares, seriam válidas.

Em entrevista, a procuradora da República do Ministério Público Federal de Goiás (MPF-GO), Mariane Guimarães, afirmou que editais publicados após a decisão do STF estariam passíveis de contestação judicial por parte dos candidatos.

Leia o comunicado da Marinha do Brasil afirmando que haverá o concurso.

Projetos de Lei aguardam aprovação no Congresso Nacional

Tanto Marinha como Exército aguardam a aprovação de dois projetos de Lei que vão regularizar os requisitos para ingresso nos cursos de formação para as carreiras militares nessas instituições. Atualmente, os Projetos aguardam parecer na Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), do Congresso Nacional.

Um dos pontos mais importantes dos projetos é a legalidade dos limites de idade impostos nos editais para as Forças Armadas. No Exército, caso o projeto (2844/2011) seja aprovado, para ingressar no curso preparatório de cadetes será preciso possuir no mínimo 16 e no máximo 21 anos, e para o Curso de Formação e Graduação do Quadro de Engenheiros Militares, o candidato precisará ter no mínimo 16 e no máximo 22 anos.

Na Marinha, o projeto de lei (2843/2011) prevê que para o concurso de admissão ao Colégio Naval, será preciso ter 15 completos e menos de 18 anos e para a Escola Naval, 18 anos completos e menos de 23 anos. Para o concurso de admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros, os candidatos deverão ter 18 anos completos e menos de 22 anos de idade e para os Quadros Complementares de Oficiais, ter menos de 29 anos. A idade necessária diz respeito ao dia 31 de dezembro do ano de matrícula do futuro militar na instituição.

Quanto aos limites de altura, o projeto de lei da Marinha especifica que os jovens devem ter altura mínima de 1,54 e máxima de 2 metros, exceto para candidatos ao Colégio Naval, cujo limite máximo é de 1,95. Já, o projeto de lei do Exército define a altura mínima de 1,60, para homens e de 1,55, para mulheres. De acordo com os requisitos propostos nos dois Projetos de Lei, os concursos para formação de oficiais são destinados a brasileiros natos, e para formação de praças, a brasileiros natos ou naturalizados. Será preciso ao candidato, além de se aprovado em exame de conhecimentos gerais e, quando for o caso, de conhecimentos específicos, obter aprovação também em inspeção de saúde, teste de aptidão física e avaliação psicológica.

Os candidatos não poderão apresentar tatuagem que faça alusão a ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas, a violência, a criminalidade, a ideia ou ato libidinoso, a discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem ou, ainda, a ideia ou ato ofensivo às Forças Armadas.

Para ingressar tanto no Exército como na Marinha, os projetos de lei também preveem idoneidade moral, estar em dia com as obrigações do Serviço Militar e da Justiça Eleitoral.

O Cape cursos preparatórios para concursos localiza-se no bairro de Realengo - RJ. Clique aqui para saber informações sobre o curso preparatório para Aprendizes Marinheiros.







Aprendiz de Marinheiro : candidatos iniciam a preparação para o concurso
Enviado por admin em 08/02/12 (478 leituras)






Deseja fazer o preparatório para APRENDIZ DE MARINHEIRO? Clique Aqui!

A Marinha confirmou, no início deste mês, a realização do concurso de admissão para as Escolas de Aprendizes-Marinheiros. Trata-se de uma boa oportunidade para jovens que possuem o ensino fundamental completo e estejam dentro dos limites de idade previstos no edital, que será divulgado em breve.

Em função desses atrativos, a seleção já começa a mobilizar possíveis candidatos.

Milhares de outros jovens entrarão na disputa em busca de uma oportunidade de ingresso na carreira militar. O concurso para Aprendizes é aberto só para candidatos do sexo masculino. A expectativa é de que sejam oferecidas 2.200 vagas e os que conseguirem ocupá-las iniciarão a carreira com vencimentos iniciais de R$1.200.

As datas de inscrição, de pedidos de isenção de taxa, da prova objetiva e todas as demais informações sobre o concurso, serão confirmadas apenas com a divulgação do edital. Porém, os prazos do concurso anteriores podem servir de referência. No ano passado, as inscrições ocorreram entre fevereiro e março. A comprovação da escolaridade foi exigida apenas na época da matrícula, que aconteceu no final do ano. Portanto, aqueles que cursavam o 9º ano do ensino fundamental podiam participar normalmente, desde que concluíssem a formação antes do prazo estipulado.

A tendência é de que a Marinha mantenha o formato da seleção. Caso a expectativa seja confirmada, serão realizadas duas fases. A primeira é a aplicação de uma prova objetiva com 50 questões, sendo 15 de Matemática, 15 de Português e 20 de Ciências. Os aprovados serão submetidos às etapas complementares: seleção psicofísica, teste de suficiência física e verificação de dados bibliográficos, todas de caráter eliminatório.

O curso forma marinheiros para o Corpo de Praças. Durante o período de formação, sob o regime de internato, serão ministradas disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval. Os classificados estudarão em uma das Escolas de Aprendizes Marinheiros, que ficam nas seguintes cidades: Vitória, Fortaleza, Recife e Florianópolis.

Serviço
www.mar.mil.br

Este chat online destina-se a prestar informações relativas ao curso preparatório mencionado nesta página.
Para outras informações, solicitamos entrar em contato com a instituição desejada.




O Cape cursos preparatórios para concursos localiza-se no bairro de Realengo - RJ. Clique aqui para saber informações sobre o curso preparatório para Aprendizes Marinheiros.







Aprendiz de Marinheiro : Marinha confirma novo concurso para Aprendizes-Marinheiros
Enviado por admin em 05/02/12 (646 leituras)




Eis aí uma boa notícia para quem está em busca de uma carreira com boa remuneração inicial e perspectivas de ascensão profissional.

A Marinha do Brasil confirmou, em nota oficial, que realizará mais uma edição do concurso de admissão às Escolas de Aprendizes Marinheiros.

Outra informação confirmada foi em relação à escolaridade exigida. Os candidatos precisarão ter, pelo menos, o ensino fundamental completo até a data estipulada no edital. Na seleção do ano passado, só era exigido o diploma de conclusão na época da matrícula, que ocorreu no final do ano.

Desta forma, quem estava no último ano do fundamental podia fazer a inscrição e a prova, desde que tivesse a perspectiva de concluir a formação antes da matrícula.

A expectativa é de que, assim como no ano passado, sejam oferecidas 2.200 vagas. Porém, a oferta só será confirmada com o edital, assim como os prazos de inscrição, de pedidos de isenção de taxa e a data da prova objetiva, primeira etapa do processo seletivo. Os classificados passarão por um curso de formação de 11 meses. Os que, após esse período, concluírem o curso com aproveitamento, ingressam na carreira militar com vencimentos iniciais de R$1.200.

No ano passado, as inscrições ocorreram entre fevereiro e março. A expectativa é de que o período para garantir participação no processo seletivo ocorram em prazo semelhante. Além disso, será necessário informar, na inscrição, o número do CPF e de um documento oficial de identificação. No último concurso, os candidatos puderam fazer a inscrição pela internet e nas Organizações Militares da Marinha Responsáveis pela Divulgação (ORDI).

A expectativa é de que a Marinha mantenha o formato da seleção. Se isto acontecer, serão realizadas duas fases. A primeira é a aplicação de uma prova objetiva com 50 questões, sendo 15 de Matemática, 15 de Português e 20 de Ciências. Os aprovados serão submetidos às etapas complementares: seleção psicofísica, teste de suficiência física e verificação de dados bibliográficos, todas de caráter eliminatório.

O objetivo do curso é a formação de Marinheiros para o Corpo de Praças da Marinha. A duração é de um ano letivo, sob regime de internato, no qual serão ministradas disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval. Os classificados estudarão em uma das Escolas de Aprendizes Marinheiros, que ficam nas seguintes cidades: Vitória, Fortaleza, Recife e Florianópolis.

Como a tendência é de que não ocorram alterações significativas no programa oficial, FOLHA DIRIGIDA publica abaixo, para orientação dos candidatos, as matérias cobradas no último concurso.

Serviço

www.mar.mil.br

Este chat online destina-se a prestar informações relativas ao curso preparatório mencionado nesta página.
Para outras informações, solicitamos entrar em contato com a instituição desejada.




O Cape cursos preparatórios para concursos localiza-se no bairro de Realengo - RJ. Clique aqui para saber informações sobre o curso preparatório para Aprendizes Marinheiros.







Aprendiz de Marinheiro : possibilidade de inscrição em fevereiro
Enviado por admin em 12/01/12 (638 leituras)




Clique aqui para reserva de vaga no curso preparatório para Aprendiz de Marinheiro

O edital do concurso de admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (EAM 2012) tem previsão para ser divulgado em breve. De acordo com a Marinha do Brasil, é possível que as inscrições para o concurso aconteçam em fevereiro. Esta é uma grande oportunidade para jovens que desejam ingressar em uma instituição militar, com bom salário e estabilidade.

Em 2011, foram ofertadas 2.200 vagas, com vencimentos de R$1.200 após o curso de formação, de 11 meses de duração. Se as regras do último concurso forem mantidas, estarão aptos a participar do concurso candidatos do sexo masculino, com o ensino fundamental completo, brasileiros natos, solteiros e com idade de 18 a 21 anos, tendo como referência as datas definidas pela instituição militar, entre outros requisitos.

No último concurso, os interessados precisaram comprovar a escolaridade apenas na época da matrícula. A perspectiva é de que, assim como no concurso do ano passado, seja necessário que os candidatos informem, na inscrição, o número do CPF e de um documento oficial de identificação. Na seleção anterior, as inscrições puderam ser realizadas pela internet e nas Organizações Militares da Marinha Responsáveis pela Divulgação (ORDI).

Nos processos seletivos anteriores, os concursos foram compostos por duas etapas. A primeira contava de aplicação de uma prova objetiva com 50 questões, sendo 15 de Matemática, 15 de Português e 20 de Ciências. Os classificados passaram, ainda, por seleção psicofísica, teste de suficiência física e verificação de dados bibliográficos, todas de caráter eliminatório.

O curso de formação tem por objetivo a formação de Marinheiros para o Corpo de Praças da Marinha. A duração é de um ano letivo, sob regime de internato, no qual serão ministradas disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval. Nesse período, os jovens recebem ajuda de custo de, aproximadamente, R$620, além de alimentação, alojamento, fardamento, assistência médica, odontológica, psicológica e religiosa. Após essa formação, passam a receber vencimentos inciais que, no ano passado, eram de R$1.200.

MARINHA
www.mar.mil.br

O Cape cursos preparatórios para concursos localiza-se no bairro de Realengo - RJ. Clique aqui e acesse o nosso site de cursos preparatórios para o 5º ano.







Aprendiz de Marinheiro : edital do admissão está previsto para este mês
Enviado por admin em 06/01/12 (622 leituras)




Está previsto para ser lançado este mês o edital do concurso de admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (EAM 2012). É uma grande oportunidade para jovens com ensino fundamental completo, que desejam ingressar em uma instituição militar, com bom salário e estabilidade. Em 2011, foram ofertadas 2.200 vagas, com vencimentos de R$1.200 após o curso de formação, de 11 meses de duração.

Se a Marinha mantiver as regras do último concurso, estarão aptos a participar do concurso candidatos do sexo masculino, brasileiros natos, solteiros e com idade de 18 a 21 anos, tendo como referência as datas definidas pela instituição militar, entre outras exigências. O candidato deve também comprovar ter concluído o ensino fundamental até janeiro de 2013. Além disso, será necessário informar, na inscrição, o número do CPF e de um documento oficial de identificação.

O período de inscrição foi de fevereiro a março, podendo ser feita pela internet e nas Organizações Militares da Marinha Responsáveis pela Divulgação (ORDI).

A seleção é formada por duas fases. A primeira é a aplicação de uma prova objetiva com 50 questões, sendo 15 de Matemática, 15 de Português e 20 de Ciências. Os aprovados serão submetidos às etapas complementares: seleção psicofísica, teste de suficiência física e verificação de dados bibliográficos, todas de caráter eliminatório.

O objetivo do curso é a formação de Marinheiros para o Corpo de Praças da Marinha. A duração é de um ano letivo, sob regime de internato, no qual serão ministradas disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval. Nesse período, os jovens recebem alimentação, alojamento, fardamento, assistência médica, odontológica, psicológica e religiosa, e uma ajuda de custo de, aproximadamente, R$620.

Serviço

www.mar.mil.br







« 1 2 3 (4) 5 6 7 »
LOJA VIRTUAL - PAGSEGURO
Baixe o Aplicativo
Cursos Kids
Login no Site
Pesquisa no Site
Notícias e Concursos
Agosto 2019
S T Q Q S S D
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  
Enquete
Qual a sua área de interesse nos concursos?
Colégios do Ensino Fundamental 16 % 16%
Escolas Técnicas 11 % 11%
Marinha 21 % 21%
Exército 17 % 17%
Aeronáutica 18 % 18%
Vestibulares 2 % 2%
Concursos Públicos 12 % 12%
Visitantes Online
1 visitantes online (1 na seção: Notícias sobre Concursos)

Usuários: 0
Visitantes: 1

mais...
Cape Cursos Preparatórios © 2006-2015 - Todos os direitos reservados - Rua Estância 25 - 2º Andar - Realengo - RJ - Cep: 21715-440
Início Cape Cursos Preparatórios Cursos Preparatórios Preços dos Cursos Preparatório - 5º Ano Apostilas Preparatórias Simulados Online Notícias Concursos Concursos Galeria de Fotos Localização Contato Plataforma Digital Área do Aluno Inscreva-se no Canal!