Segunda edição do Fies abre prazo na segunda, dia 3

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, na segunda-feira, dia 27, o edital com as informações e regras da edição do segundo semestre do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As inscrições começam na próxima segunda-feira, dia 3 de agosto, e seguem até as 23h59min da quinta-feira, 6.

Para participar da seleção, os estudantes precisam atender aos seguintes critérios: não ter concluído o ensino superior e possuir renda familiar mensal bruta per capita de até dois salários-mínimos e meio. Além disso, o candidato deve ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir de 2010, e ter obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos.

Os professores da rede pública de ensino, integrantes do quadro permanente da instituição, estão isentos de cumprir tais requisitos, salvo inscrevam-se em cursos de Licenciatura, Normal Superior ou Pedagogia. Quem terminou o ensino médio antes de 2010 não precisa cumprir a exigência de participação no Exame, porém, precisa preencher os outros dois requisitos.

Ao se inscrever, por meio da página do Sistema de Seleção do Fies (Fies- Seleção), os interessados informarão dados pessoais como CPF, endereço de e-mail válido e ano de conclusão do ensino médio, bem como a opção de vaga, local, curso e turno na referida instituição de ensino. Só há a possibilidade de inscrição em um único curso e turno de graduação dentre os ofertados. Enquanto o prazo estiver aberto, será possível alterar as opções e também efetuar o seu cancelamento.

Aqueles que fizeram o Enem serão classificados na ordem decrescente de acordo com as notas obtidas. Caso haja empate, o critério adotado obedecerá a seguinte ordem: nota da Redação, nota da prova de Linguagens, de Matemática, de Ciências da Natureza e, por fim, a nota de Ciências Humanas. Já os docentes e concluintes do ensino médio antes de 2010 terão a classificação feita por um cálculo ascendente que levará em consideração critérios de renda, raça, grupo familiar, profissão e rede de ensino na qual os candidatos estudaram. Neste grupo, terão prioridade quem possuir menor renda familiar bruta mensal, os autodeclarados pretos, pardos ou indígenas e os que estudaram na rede pública.

O resultado da pré-seleção estará disponível no site do sistema no dia 10 de agosto, assim como a lista de espera dos não convocados. Após esta divulgação, os pré-selecionados na chamada única do programa, têm entre os dias 13 e 22 de agosto para finalizarem o processo de contratação do financiamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *