MP-RJ: em breve votação de novas vagas

Para que o edital do novo concurso do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) possa ser divulgado a partir de setembro, conforme previsão dada pela Assessoria de Imprensa do órgão, é aguardado, primeiramente, que o projeto de lei destinado à criação de 205 vagas para o MP fluminense seja votado na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).
Isto não deverá demorar muito para acontecer, já que vários parlamentares  se mostraram sensíveis à reoxigenação do quadro de pessoal do ministério, por meio do novo certame. E embora o órgão ainda não confirme se, concomitantemente a essa votação, os preparativos foram iniciados ou não, é bem possível que os detalhes do novo concurso já estejam em discussão. Atualmente, o pleito encontra-se em comissões internas da Alerj e, em seguida, irá a plenário.
O Ministério Público do Rio pretende contratar, via regime estatutário (garantia de estabilidade empregatícia), novos 125 técnicos, de nível médio, e 80 analistas, cargo que requer curso superior. As ofertas de técnico serão para as seguintes especialidades: Administrativa e de Notificações e Atos Intimatórios. Já as oportunidades de analista deverão ser para as áreas Processual e de Tecnologia da Informação. As remunerações são um outro atrativo desse concurso, além da estabilidade. Os técnicos administrativo e de notificações, por exemplo, receberão R$4.999,13. Já os ganhos dos analistas serão de R$7.624,20. Em ambos os casos, os R$825 de auxílio-alimentação já estão inclusos.
Um terceiro ponto positivo da seleção é que o MP-RJ tem por tradição chamar um número além do estipulado no edital. No último concurso da entidade, cuja validade segue até setembro deste ano, eram 115 vagas, mas houve 979 convocações. Nessa seleção, de 2011, os candidatos passaram por provas objetivas, versando sobre Língua Portuguesa, Noções de Informática, Organização do Ministério Público, Direito Constitucional, Administrativo, Civil, Processual Civil, Penal e Processual Penal, de acordo com o cargo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *