Na última terça-feira, dia 30, a comissão organizadora do concurso de técnico de controle externo do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCM-Rio) reuniu-se com representantes da Secretaria Municipal de Administração (SMA-Rio), visando à escolha da organizadora. Foi discutido se a pasta poderá ficar com esse trabalho, já que está sobrecarregada, fazendo outros concursos, como dos professores de educação infantil. Não houve definição, mas o TCM-Rio acredita que isso ocorrerá este mês. Outro assunto tratado pela comissão é a escolha das disciplinas do concurso, para elaboração de um projeto básico. Como o tribunal ainda não sabe se a SMA-Rio, a preferida, poderá ser a organizadora, a comissão ainda não definiu se haverá licitação ou dispensa para essa escolha.
Apesar de ainda ter de definir as disciplinas, o presidente do TCM- =Rio, Thiers Montebello, já havia informado que haverá duas provas objetivas, cada uma composta por quatro matérias. Ainda de acordo com Thiers, as avaliações deverão versar sobre Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Direito Administrativo, Direito Constitucional e Direito Financeiro, Controle Externo e Noções de Informática. Resta, portanto, definir uma matéria, que, segundo especialistas, pode ser Auditoria. O edital está previsto para ser publicado após o término do concurso de auditor e procurador, conforme disseram Thiers Montebello e o presidente da comissão, José Ricardo Pereira de Castro. Segundo Thiers, isso deverá ocorrer em outubro, quando poderá ser divulgado o documento.
Vantagens – O cargo de técnico exige o nível médio e tem remuneração de até R$10.578,22. O TCM-Rio oferecerá 15 vagas, mas, segundo Thiers Montebello, serão contratados 50 aprovados durante o prazo inicial de validade, de dois anos, podendo dobrar. A remuneração inicial da função é de R$8.130,22, somando vencimento de R$1.152,22, gratificação de R$6.120 e auxílio-alimentação de R$858. Após três meses, a remuneração passa para R$10.578,22, já que são somados os encargos especiais de R$2.448. Os servidores têm direito ainda a auxílio-saúde, que reembolsa até R$990; auxílio-creche (para quem tem dependentes de até seis anos) de R$1.020; e auxílio-educação (para quem tem dependentes de até 17 anos) também de R$1.020. O regime é o estatutário, com estabilidade.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...