O latente crescimento na área naval movimentou a direção da Marinha do Brasil. Para suprir as necessidades dessa expansão, a instituição militar criou o Quadro Técnico de Praças da Armada (QTPA), cujo ingresso será por meio de concurso público nacional. O edital está em fase de elaboração . O número de vagas está em estudo pelo Setor de Planejamento de Pessoal da Marinha do Brasil. A estruturação do setor ocorrerá pela captação de civis e militares concludentes de cursos técnicos de nível médio em áreas profissionais de interesse da Marinha. Serão dois segmentos de atuação: Eletrotécnica, na qual serão aceitas as titulações de técnico em Eletromecânica, Eletrônica, Eletrotécnica, Eletrotécnica Naval e Mecatrônica; e Mecânica, para quem possui qualificação em Manutenção Automotiva, Mecânica, Mecânica Naval, Mecatrônica ou Refrigeração e Climatização.

Os aprovados no concurso e nos cursos de formação ingressarão na Marinha como 3° Sargento e receberá R$3.100, salário correspondente a essa patente. Para concorrer, o candidato deverá ser civil ou militar do sexo masculino e atender o seguinte limite de idade: ter 18 anos completos e menos de 25 de idade, referenciados a 1º de janeiro do ano correspondente ao início do curso de formação militar. Outros requisitos só serão confirmados com o edital.

O processo seletivo para o QTPA é composto por prova escrita objetiva de conhecimentos profissionais; redação e eventos complementares, tais como inspeção de saúde, teste de aptidão física, verificação de dados biográficos, verificação de documentos e avaliação psicológica.

“O Brasil é uma nação com grandes e significativos interesses no mar. É importante termos uma clara percepção de que uma nação só é verdadeiramente marítima quando sua sociedade entende a importância do mar e o utiliza como fator de desenvolvimento”, destacou o vice-almirante Rodrigo Otávio Fernandes de Hônkis.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...