Enem bate recorde

O total de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) bateu novo recorde. Foram 7.834.024 inscrições até a meia-noite da última segunda-feira, dia 27, quando acabou o prazo de inscrições. De acordo com um relatório divulgado pelo Ministério da Educação, o número de participantes cresceu 26% em relação a 2012, quando 6.495.446 se cadastraram no site da prova.

Segundo dados do órgão, dos mais de 7 milhões, cerca de 840 mil jovens farão a prova para conseguir o certificado de conclusão do ensino médio. Sobre o nível de escolaridade dos inscritos, 58% já concluíram o ensino médio, enquanto que os que concluirão em 2013 correspondem a 21%.

Os números relacionados às regiões do país mostraram disparidades. Do total de inscrições, 36% foram feitas por moradores do Sudeste, 32% do Nordeste, 13% do Sul do país, 10% do Norte e 9% do Centro-Oeste. O estado de São Paulo inscreveu mais de 1 milhão de estudantes, seguido de Minas, com mais de 800 mil. A faixa etária deste ano com o maior índice de inscrições ficou entre os jovens de 21 a 30 anos, 30% do total. As mulheres se mantêm como maioria entre as concorrentes, com 4,5 milhões, enquanto os homens representam 3,2 milhões.

Este ano, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão responsável pela realização da prova, terá que se preparar para receber uma maior quantidade de estudantes que necessitam de cuidados especiais. O aumento foi expressivo. Em 2012, quase 27 mil estudantes com algum tipo de deficiência se inscreveram.

As provas serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro, sábado e domingo, respectivamente. Nos dois dias, o exame terá início às 13h com abertura dos portões marcada para 12h. Serão 45 questões de cada área. No primeiro dia de provas, os candidatos terão quatro horas e 30 minutos para resolver questões das áreas de Ciências Humanas e suas tecnologias (História, Geografia, Filosofia e Sociologia) e Ciências da Natureza e suas tecnologias (Química, Física e Biologia).
No dia 27, as áreas de conhecimento serão Linguagens, Códigos e suas tecnologias (Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira – Inglês ou Espanhol, Artes, Educação Física e Tecnologia da Informação e Comunicação) e Matemática e suas tecnologias. Todos farão, ainda, uma Redação. Nesse dia, os inscritos terão cinco horas e 30 minutos para resolverem as questões.
Os participantes poderão utilizar o resultado do Enem para ingresso em instituições públicas de ensino superior, através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e participar de programas como o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas em instituições particulares, e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), para financiamento da graduação, também em instituições privadas.
Os estudantes maiores de 18 anos que ainda não obtiveram a certificação do ensino médio poderão utilizar o resultado do Enem para obter o diploma. A pontuação mínima exigida ano passado foi de 450.



Facebook
Twitter
More...



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...