Está prevista para este mês a definição da organizadora do concurso para técnico e analista judiciários do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ). O diretor do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas, Luciano Alt, explicou que, após recolher as informações referentes às instituições, será elaborado um relatório que, posteriormente, será encaminhado ao presidente do tribunal.

Segundo ele, entre as instituições oficialmente convidadas estão a Fundação Carlos Chagas (FCC), Cespe/UnB, UFF, Cepuerj e Fundação Ceperj. “Por conta da peculiaridade desse critério de seleção, não se recomenda a licitação, pois, se assim fosse, nos submeteríamos a qualquer instituição desconhecida, e isso é um risco absurdo. A exemplo dos últimos concursos, a escolha será feita pelo presidente, juntamente com seus juízes auxiliares”, afirma.TJ - RJ

O edital, previsto para ser divulgado em agosto, deverá trazer a oferta de, pelo menos, 138 vagas, sendo 66 para técnico (nível médio) e 72 para analista (superior), ambos sem especialidade (conforme ocorreu na seleção anterior, realizada em 2007). Haverá, ainda, formação de cadastro de reserva, que deverá ser utilizado durante a validade da seleção, de um ano, prorrogável por igual período.

Além disso, Luciano Alt confirmou que o maior quantitativo será destinado à capital (1º, 12º e 13º Núcleos Regionais), que abrange diversas comarcas. As demais oportunidades serão distribuídas pelos outros dez NURs espalhados pelo estado.

Cape CursosOs participantes poderão concorrer aos cargos de técnico de atividade judiciária (sem especialidade – nível médio) e analista judiciário (sem especialidade – para graduados em Direito) e também para as carreiras de psicólogo, assistente social, comissário, execução de mandados, analista de sistemas, contador, bibliotecário, jornalista e médico.

As remunerações iniciais deverão ser de R$3.245,87 (técnico) e R$4.975,79 (analista), incluindo R$572 de auxílio-alimentação (valor unitário de R$26 e média de 22 dias de trabalho). Já para oficial de justiça, o salário inicial deverá ser de R$6.296,92. O valor inclui os auxílios-alimentação (R$572) e locomoção (R$1.321,13). Os novos servidores receberão, ainda, auxílio-creche, plano de saúde e auxílio-locomoção.

Etapas - O concurso constará de prova objetiva, comprovação dos requisitos e curso de seleção. Além disso, a resolução (publicada no dia 17 de junho) autoriza o tribunal a incluir mais três fases: redação, prova prática e avaliação de títulos.

Segundo o diretor, se a previsão de divulgação do edital for alcançada, a expectativa é que a objetiva ocorra em novembro. Ele afirmou, ainda, que a definição das demais etapas (por especialidade) será especificada apenas no edital. Em relação ao curso de seleção, uma novidade no concurso, Luciano Alt afirmou que trata-se de uma determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...